sábado, 11 de agosto de 2012

Cassiano Ricardo


METAMORFOSE
Meu avô foi buscar prata
mas a prata virou índio.

Meu avô foi buscar índio
mas o índio virou ouro.

Meu avô foi buscar ouro
mas o ouro virou terra.

Meu avô foi buscar terra
e a terra virou fronteira.

Meu avô, ainda intrigado,
foi modelar a fronteira:

E o Brasil tomou forma de harpa.

In MARTIM CERERÊ, Rio de Janeiro: Livraria José Olympio Editora, 1983, 16a. ed., p. 127

Nenhum comentário: