terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Anna Kamienska

UMA PRECE QUE SERÁ ATENDIDA
Senhor, deixai-me sofrer mais
e então morrer

Deixai-me cruzar o silêncio
sem deixar nada para trás sequer o medo

Fazei com que o mundo continue
deixai que o oceano beije a areia como antes

Deixai que a grama siga verde
para que os sapos ali possam se esconder

para que alguém ali possa enterrar sua face
e expurgar todo o seu amor

Fazei com que o dia se erga luminoso
como se já não houvesse mais dor

E deixai que meu poema seja transparente feito uma vidraça
em que uma abelha grande bate sua cabeça


Tradução: Pedro Gonzaga

Anna Kamieńska ( Krasnystaw , 12 de abril 1920 - Varsóvia , 10 de maio de 1986) foi uma poeta polonesa, escritora, tradutora e crítica literária, que escreveu muitos livros para crianças e adolescentes.

Marek Langowski 

Nenhum comentário: