domingo, 6 de julho de 2014

Henrique de Lemos

PROCURA NO QUE SONHAS
Procura no que sonhas
apenas a frescura 
de um curso de água
descendo a montanha.

Não faças de barragem
o teu ser: da tua boca
jorrará sempre a mentira
de um suposto saber.

Do eterno, 
da pura visão selvagem,
do avanço intrépido para o que é,
só os bichos podem beber.


Nenhum comentário:

Murilo Mendes

REVELAÇÃO Quando me inclinei sobre a água, a estrela saíra, O parque elaborando curvas a seu gosto. Um rumor de pássaros fixou-se na folh...