domingo, 21 de outubro de 2012

Renan Nuernberger


SEM TÍTULO (II)
janeiro é um mês vermelhíssimo
tônico, auroral
(tempo de amor e miragem)
embora não seja
o início (o início
mesmo é em março: o mal
que, no norte,
resulta no enterro dos mortos)
ciclicamente é um
istmo
de coalizão solar

queria viver em pleno janeiro
suado, quente
(o coração sem cardeais)
sempre pronto para
a próxima (a próxima
talvez seja a última: ela passa
e onde estou?
na capital do século vinte-e-um?)
incisivamente explosiva
visão
de suas pernas pro ar

Copiado de http://asescolhasafectivas.blogspot.com.br/2012/04/renan-nuernberger.html

Nenhum comentário: