domingo, 3 de novembro de 2013

Tadeusz Różewicz

Entre os muitos
e tão urgentes afazeres
eu me esqueci
de que também é preciso morrer

irresponsavelmente
negligenciei esta obrigação
ou a assumi de forma superficial

a partir de amanhã
tudo mudará

Cuidadosamente começarei a morrer
com inteligência e otimismo
sem perder um só instante

Sobre Tadeusz Różewicz




Nenhum comentário:

Wislawa Szymborska

 NADA É DADO Nada é dado, tudo emprestado. Estou atolada em dívidas até o pescoço. Serei forçada a pagar por mim gastando a mim mesma, dando...